História

Como começou o Teen STAR?

Dizer como o Teen STAR começou é contar a história de pessoas, porque todas as histórias começam com uma pessoa que decide mudar o mundo, começando com seu mundo imediato. Se voltarmos ao começo, temos que falar sobre Hanna Klaus.

Hanna Klaus2

Hanna é uma mulher européia, nascida em Viena com uma história familiar tremenda. Quando criança em sua família sofreu a dor dos campos de concentração e perda de muitos de seus parentes. Emigrou para os EUA e encontrou a fé católica no seio da família que a acolheu.

Em sua juventude, ela estudou medicina, formou-se como ginecologista e descobriu sua vocação dedicar a sua vida a serviço da Congregação das Irmãs Missionárias, “Irmãs Missionárias”. Paquistão era o seu destino, ali serviu por muitos anos como médica fundando um hospital, atendendo a todos os que vieram lá. Anos mais tarde, nos finais dos anos 70, ela foi convidada a retornar para os EUA.

Hanna, em seu retorno para os EUA e a Universidade como professora associada, ela conheceu muitos jovens que perderam ou nunca tinham encontrado o sentido de sua sexualidade e fertilidade. Jovens que não viviam de forma integrada as suas experiências e viviam com enfermidades na sua saúde reprodutiva. Hanna, em cooperação com P. Quay e Mary Lou Bryan, porque as coisas importantes são sempre na companhia de outros, acreditaram que poderiam ajudar estes jovens e decidiram oferecer suporte adequado para integrar a sua sexualidade e fertilidade. E foi assim, com estes jovens, com quem Hanna e os colegas de trabalho da Universidade trabalhavam, começou esta história e Hanna se tornou inconscientemente ou involuntariamente fundadora do Teen STAR.

Como Teen STAR deu um salto dos EUA para o mundo?

Teen STAR começou a crescer e crescer e mais e mais americanos jovens foram se inscrevendo no programa e os adultos se tornaram cada vez mais comprometidos com o programa para tornarem-se monitores.

Os anos passaram e Hanna sempre ciente de três coisas:

  1. Eu já não tinha a energia ou a saúde de sua juventude.
  2. O programa necessitava de mais mãos para espalhar-se pelo mundo.
  3. Eu precisava de alguém para pegar o bastão como uma referência no mundo, para continuar com este grande projeto.

Assim entra em cena Pilar Vigil , uma outra pessoa muito importante para o Teen STAR.

DSC_0009

Pilar é uma mulher nascida no Chile, esposa e mãe de quatro filhos, médica licenciada em obstetrícia e ginecologia , relacionada a vários projetos de investigação científica sobre a fertilidade.

Pilar tem trabalhado com Teen STAR desde 1993 é atualmente a Diretora Internacional Programa Teen STAR.

 

Teen STAR no Brasil

 

Pilar Vigil em outubro de 2011 vem ao Brasil e  encontra-se com Fabiana Azambuja, mulher casada, mãe de quatro filhos, educadora, pedagoga, graduada em Letras, pós graduada em Bioética e Coordenadora do Centro de Atendimento de Fertilidade, com base em Métodos Naturais.

Em janeiro de 2012, Fabiana Azambuja faz o Seminário no Chile e volta para o Brasil, determinada a levar o Programa ao conhecimento dos brasileiros. Em 2013, ela realiza o I Seminário de Formação de Monitores Teen STAR, com a presença da Dra Pilar Vigil e outros integrantes do Teen STAR Chile, na Diocese de Santo Amaro- São Paulo. Inicia-se portanto o projeto de implementação do Programa Teen STAR no Brasil.

Em 2014, o Seminário acontece em Porto Alegre-RS, em 2015 , em Vargem Grande Paulista-SP, em 2015 em Igarassu-Recife e neste ano 2017, em Brasília. A média de participantes em cada Seminário é de 200 pessoas.

O Programa segue sua fase de implementação para que ele seja conhecido e já  está sendo aplicado em algumas regiões do Brasil. Ao todo, atualmente, 40 monitores estão aplicando o programa para crianças e adolescentes.

Desde 2012, Fabiana Azambuja é a Diretora Nacional do Programa Teen STAR no Brasil.

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *